Cute Pink Kaoani

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Reflexos


Verdades precisam ser ditas em tempos de grandes dificuldades como hoje. Temos sempre uma frase feita ou uma solução milagrosa quando nos deparamos com alguma verdade sobre nós ou nossos queridos. Nunca enxergamos, assim como a coruja, a verdade por trás do nosso sangue ou nosso ego. Mártires são criados dia a dia em todas as  famílias, verdadeiros heróis do egoísmo e da falta de amor para com o próximo.  Relutamos a cada vez que o mundo nos mostra o reflexo de quem realmente somos ou nosso filhos. Bradamos aos quatro ventos que somos honestos e o outro sempre é o culpado, senão diretamente, por indução da minha honesta conduta. Vivemos uma grande mentira, amanhecemos sempre renovando nossa autoconfiança em nossas atitudes e opiniões, que por mais que pareçam imparciais, sempre denotam um ar de sou sempre melhor. Muitos dizem respeitar as opiniões alheias, educação exemplar diante do mundo e verdadeira falta de caridade diante de Deus. Aqui, não excluo nem mesmo a mim, que vos escrevo. Temos embutido em nossos corações sempre aquele ar de: “To falando, mas de verdade penso outra coisa...”.  E o tempo passa, as pessoas envelhecem e seus objetivos não ultrapassam seus pequeninos mundos onde rege o orgulho pessoal e intransferível. Buscamos sempre um grande apoio em Deus, mas realmente o que queremos é lhe interrogar sobre aquele projeto que o Senhor prometeu me ajudar. Agradecemos, mas sempre no intuito de obter créditos para um próximo projeto, ou mesmo para quando passarmos desta para melhor.  O medo rege nossas vidas, medo de ficar pobre, medo de ficar feio, medo de ficar só, medo de ir para o inferno. Sei que muitos podem ler e dizer que sou exagerado na generalização. Repito, me incluo nestas linhas, tenho tentado muito mudar meus conceitos acerca da humanidade, dos meus julgamentos precipitados. Mas a grande verdade, é que está enraizado na raça humana, como um pré-requisito para o emprego. Dar graças e louvores ao criador é justo e honesto, mas acho que sempre nos esquecemos do principal: “Vos farei minha imagem e semelhança...”, ou seja, todos os dias julgamos, condenamos e humilhamos, mesmo que por poucos pensamentos, o nosso criador.
Não tenho intenção  de ensinar a ninguém qualquer que seja a religião ou doutrina, só me pus a pensar. Pensar, sobre o que dizer para o meu espelho quando tiver oportunidade, e ele me perguntar: “Quem é você, o que faz por aqui?”. Contas, desencontros, desavenças, injustiças, falta de caridade, tudo parte do meu e do seu cotidiano. Já parou para pensar quantas vezes usurpou da autoestima de alguém, mesmo quando pensava estar sendo justo e honesto? Será que todos tem a mesma concepção que nós? Será que um muito obrigado pode ser ofensivo para alguém? É de se pensar, pelo menos. Refletir sobre o que sou na frente de meus amigos, desconhecidos, desafetos, familiares e até mesmo de mim mesmo. Frases e palavras de efeito nos elevam todos os dias para um novo recomeço, mas quantas palavras e frases saem de nosso coração para nós mesmos, com autoconfiança, caridade e amor?
Parece filosofia barata, mas me pus a pensar, refletir, olhar-me com olhos de estranhos. O quanto colaborei  para que a humanidade fosse realmente valorizada diante de si mesma.
Fica aqui o desabafo e a reflexão, se estou certo? O que importa, escrevo porque tive vontade e estou tentando sempre uma automodificação, mesmo que só minhas linhas.

Boanerges Teixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário e seja sempre muito bem vindo á postar aqui suas sugestões para postagens e opinião sobre o que pode ser interessante de ser encontrado aqui.

Abraço

Lia Joca